Bentley Bentayga Diesel e Lamborghini Aventador S no Motorclássico

A SIVA irá marcar presença na edição 2018 do Motorclássico, com o Bentley Bentayga Diesel e o Lamborghini Aventador S. O Salão de Automóveis e Motociclos Clássicos, que regressa à FIL, em Lisboa, nos dias 6, 7 e 8 de abril, é o maior evento português relacionado com a temática dos clássicos e da história automóvel, e reúne mais de 160 expositores de vários países.

 

 

Com uma área de exposição superior a 20.000 m2, e visitado anualmente por 40.000 pessoas, o Salão Motorclássico conjuga várias atividades em paralelo, como o Leilão de Veículos Clássicos e Automobilia, o Salão Motor Racing, passeios e concentrações de clubes e certificações de veículos clássicos.

 

Para esta edição, a organização preparou um programa variado e estimulante, que conta com a participação de várias entidades comerciais e institucionais e se dirige não só a aficionados do mundo dos clássicos, mas também ao público em geral.

 

A SIVA foi convidada pela organização no sentido de complementar a exposição com a presença de 2 veículos novos da Bentley e Lamborghini, marcas que são uma referência nos clássicos.

 

Bentley Bentayga Diesel oferece uma condução fluida e envolvente, num luxo insuperável

O Bentley Bentayga Diesel, o primeiro modelo Diesel na história da emblemática marca britânica, não é apenas o mais veloz e o que apresenta mais requinte e luxo em toda a sua categoria; tem também um “coração” que é uma autêntica joia da mais avançada tecnologia: o novo motor de 4,0 litros, 32 válvulas e tripla sobrealimentação. Com 435 cv de potência e um binário máximo de 900 Nm, o Bentayga Diesel atinge uma velocidade máxima de 270 km/h e uma aceleração 0-100 km/h em apenas 4,8 segundos.

 

Motor V8 confere capacidades de exceção

O Bentayga Diesel mantém o rendimento dinâmico do Bentayga W12, mas incorpora novas e mais eficazes tecnologias em relação ao meio-ambiente, que permitiram aumentar a sua autonomia.

 

O motor V8 de 4,0 litros de última geração está acoplado a uma transmissão automática ZF de oito velocidades, alcançando valores líderes na sua categoria, graças à potência de 435 cv e ao binário máximo de 900 Nm. Esta motorização está equipada com turbocompressores sequenciais de dupla entrada e geometria variável, e um terceiro compressor elétrico que recorre a um sistema de 48 V da Bentley, o qual consegue alcançar um pleno rendimento em escassos 30 milionésimos de segundo, para eliminar o atraso em funcionamento do turbocompressor. O resultado é uma potência de exceção, sem quaisquer esforços no intervalo de todos os regimes de velocidades do motor. Uma experiência de condução de um Bentley no seu estado mais puro.

 

É extraordinário o binário disponível desde cedo, alcançando o valor máximo a partir das 1000 rpm, o que permite ao Bentayga Diesel um rendimento de exceção em estrada ou no fora-de estrada. A este fluxo instantâneo de potência junta-se a agilidade e o rendimento tradicionais da Marca.

 

Ainda assim, este modelo incorpora uma série de melhorias que elevam ainda mais a sua elegância única. Por exemplo, o sistema de escape foi desenhado de uma forma exclusiva, de modo a que a acústica proporcione uma experiência mais silenciosa e sofisticada. Também está equipado com o sistema Selective Catalytic Reduction, que contribui para diminuir os níveis de óxido de nitrogénio.

 

Equipado com o sistema stop-start da Bentley, o Bentayga Diesel apresenta emissões de CO2 de apenas 210 g/km e uma impressionante autonomia, acima dos 1000 km.

 

Design britânico caracterizado pelo luxo e estilo contemporâneo

O Bentayga Diesel tem o mesmo design britânico marcado pelo luxo e estilo moderno da versão W12. Mas destaca uma série de detalhes com um estilo único. Por exemplo, as soleiras das portas dianteiras incorporam a sigla V8 Diesel, e as duplas saídas de escape possuem um subtil novo desenho.

 

No exterior, chama a atenção a grelha matrix preta com contorno cromado, e uma faixa central com acabamento também em cromado. Está equipado de série com jantes em alumínio de 20 polegadas e 10 raios, podendo montar em opção jantes de 21 polegadas da Mulliner Driving Specification, disponíveis com acabamentos em prata ou em cinzento nos raios e no aro.

 

O habitáculo do Bentayga estabelece novos paradigmas de luxo e rigor, com uma meticulosa precisão na relação entre os painéis de madeira e os elementos metálicos.

 

À semelhança de todos os modelos da Bentley, o Bentayga Diesel também pode ter intervenção da Mulliner, o departamento de personalização de carroçarias, que se encarrega de satisfazer os requisitos individuais de cada cliente.

 

O preço em Portugal começa nos 230.000 euros.

 

Lamborghini Aventador S: elevar a fasquia na oferta de superdesportivos

O novo Lamborghini Aventador S é caracterizado pelo novo design aerodinâmico, suspensão revista, maior potência e nova dinâmica da direção. O “S” é o sufixo dos modelos da Marca que beneficiam de uma série de atributos revitalizados, e define aqui uma nova referência para o motor V12 da Lamborghini.

 

"Este é o Aventador da próxima geração, bem como a expressão de novos fronteiras tecnológicas e de desempenho no desenvolvimento de superdesportivos", diz o presidente e CEO da Automobili Lamborghini, Stefano Domenicali. "O Aventador S possui um design visionário, tecnologia de vanguarda e dinâmica de condução em pura harmonia, e eleva o conceito de carros superdesportivos para um novo nível".

 

Design e aerodinâmica

O design do novo Aventador S indica claramente a nova geração do Aventador. Possui uma série de evoluções ao nível da carroçaria, particularmente na parte dianteira e na secção traseira, enquanto o seu perfil permanece inalterado, transmitindo-lhe o estatuto claro de um verdadeiro Aventador.

 

Cada componente modificado foi redesenhado para um objetivo previamente definido, alcançando a máxima eficiência aerodinâmica e, ao mesmo tempo, acentuando o complexo dinamismo musculado do Aventador. Além disso, o Lamborghini Centro Stile integrou inteligentemente certos elementos de ícones passados, caso dos aros das rodas, que são reminiscentes do lendário Countach.

 

Uma parte dianteira mais agressiva e um “splitter” mais longo redirecionam o fluxo de ar para uma melhor eficiência aerodinâmica e uma refrigeração melhorada do motor e dos radiadores. Duas condutas de ar nas partes laterais do para-choques dianteiro reduzem a interferência aerodinâmica dos pneus da frente e otimizam o fluxo de ar para o radiador traseiro.

 

A parte traseira do Aventador S é dominada por um difusor preto, disponível também em fibra de carbono (a pedido do cliente), e caracterizada por uma série de lamelas verticais que aumentam os efeitos do fluxo de ar, reduzem a resistência aerodinâmica e produzem maior “downforce”. Três saídas de escape individuais ornamentam o para-choques traseiro.

 

A asa traseira ativa é amovível e regulável em três posições, dependendo da velocidade e do modo de seleção da direção. Otimiza a eficácia aerodinâmica em 50%, na sua posição intermédia, e em 400% na sua posição de carga reduzida.

 

O chassis do Aventador S mantém a ultraleve e extremamente sólida estrutura monobloco de fibra de carbono do Aventador, com armações de alumínio, o que lhe permite apresentar um peso total a seco de apenas 1575 kg.

 

O Aventador S foi desenvolvido segundo um "conceito de controlo total", para proporcionar um nível de condução de exceção, bem como de desempenho e de prestações. Todos os elementos da suspensão e dos sistemas de controlo eletrónico foram revistos e melhorados, com o objetivo de atingir um aperfeiçoado nível de condução, num patamar pleno de emotividade.

 

Conceito EGO - modos de condução personalizados

O Aventador S permite que o condutor selecione entre quatro modos diferentes de condução: STRADA, SPORT, CORSA e o novo modo EGO, que influenciam o comportamento da tração (motor, caixa de velocidades, 4WD), direção (LRS, LDS, Servotronic) e suspensão (LMS).

 

A nova opção de modo de condução EGO permite vários perfis de configuração individuais, personalizados pelo condutor, selecionando os seus critérios preferidos de tração, direção e suspensão dentro das configurações STRADA, SPORT e CORSA.

 

No modo STRADA, o amortecimento progressivo é nivelado para melhor conforto e estabilidade em estradas com pisos irregulares. O binário é dividido em 40/60 para a frente e para trás, numa configuração de série. Seguro e estável, com máxima aderência, o Aventador S é facilmente conduzido e controlado.

 

No modo SPORT, o efeito estabilizador da direção da Lamborghini Rear-wheel Steering permite até 90% de binário nas rodas traseiras, para máximo desportivismo e diversão nas estradas com muitas curvas. A precisão de condução e o feedback do condutor são melhorados, mantendo a segurança e sem comprometer o conforto.

 

No modo CORSA, os condutores experimentam uma intervenção dinâmica e de controlo de tração, mantendo a precisão. Os altos níveis de força de amortecimento maximizam as sensações e o feedback do condutor, incluindo a direção, a travagem e o acelerador. A direção em fase inversa é melhorada em situações de alto desempenho, e o binário é equilibrado em ambos os eixos, com uma repartição máxima de 20/80 na frente e na retaguarda, para um comportamento mais neutro e para maximizar a performance.

 

Motor e sistema de escape otimizados

O motor atmosférico de 6,5 litros e 12 cilindros do Lamborghini Aventador debita 40 cv adicionais, chegando a uma potência de 740 cv e a um binário máximo de 690 Nm às 5500 rpm. Para este aumento de potência, tanto o VVT (Variable Valve Timing) como o VIS (Variable Intake System) – a otimização de aspetos como a abertura variável das válvulas e da admissão – permitiram obter uma curva de binário enriquecida. Além disso, as rotações máximas do motor foram aumentadas de 8350 para 8500 rpm.

 

Um peso em seco de apenas 1575 kg garante uma relação peso/potência de 2,13 kg/cv. A aceleração de 0-100 km/h é alcançada em 2,9 segundos, e a velocidade máxima atinge 350 km/h. A caixa de velocidades ultraleve de sete relações (ISR) serve de intermediária entre o motor e as rodas, permitindo mudanças de relações em 50 milissegundos. Um novo sistema de escape (mais leve em 20%) completa o leque de melhorias técnicas.

 

A especificação interior do Aventador S é praticamente ilimitada, através do programa de personalização Ad Personam da Lamborghini.

 

O preço em Portugal começa nos 490.000 euros.