Opel Insignia estreia nova geração de sistemas de informação e entretenimento

A tecnologia de informação e entretenimento na mobilidade evoluiu de tal forma que, hoje, a expectativa natural do utilizador de automóveis modernos é poder aceder, em movimento, a múltiplos serviços ‘online’. A Opel tomou parte importante nesta evolução e os seus contributos foram reconhecidos através de vários galardões, entre os quais o prestigiado “Connected Car Award”.

 

 

Nas previsões mais recentes, tudo aponta para que os progressos nesta área venham a acelerar durante a próxima década. A Opel está a preparar-se com uma nova geração de sistemas de infoentretenimento para essa nova fase de conectividade e entretenimento a bordo. A estreia caberá ao topo de gama Opel Insignia já no final de 2018.

 

Os novos sistemas Multimedia e Multimedia Navi Pro do Insignia permitirão à Opel reforçar a sua posição entre os líderes de infoentretenimento e de conectividade. Os novos dispositivos estão na linha da frente no que diz respeito a funcionalidade, ao mesmo tempo que apresentam grafismo moderno e têm utilização intuitiva, com ecrãs táteis que podem chegar às oito polegadas de diagonal. Destes sistemas fazem ainda parte ecrãs de alta definição integrados nos painéis de instrumentos, aos quais pode ser acrescentado um ‘head-up display’.

 

Seja através dos convencionais Bluetooth ou porta USB, ou com recurso à avançada integração de ‘smartphones’ com Apple CarPlay ou Android Auto (que a Opel foi um dos primeiros fabricantes de automóveis a disponibilizar), a conectividade garantida pelo novo infoentretenimento do Insignia está entre os melhores sistemas oferecidos no setor. Registe-se que é possível ligar dois telemóveis em simultâneo ao sistema do automóvel. Além do sintonizador de rádio AM/FM, de série, existe em opção um recetor de emissão digital DAB+.

 

O topo de gama Multimedia Navi Pro inaugura uma nova geração de sistemas de navegação da Opel para o futuro. Entre várias funcionalidades contam-se serviços de navegação conectada para obter a melhor seleção de pontos de interesse e procura de destinos, bem como ‘Live Traffic’, preços de combustíveis em tempo real, informação sobre estacionamento no local de destino e atualizações de mapas ‘online’.

 

O ‘Live Traffic’ recorre ao telemóvel conectado e obtém informações a partir de múltiplas fontes. As atualizações sobre a situação do tráfego ocorrem praticamente em tempo real e são integradas no processamento do itinerário de navegação. Isso proporciona alertas mais precisos, em tempo útil. O sistema indica quais são as secções do percurso afetadas por congestionamentos e as prováveis causas.

 

Com o objetivo de facilitar a utilização, o interface homem-máquina do Multimedia e do Multimedia Navi Pro tem novo desenho e garante acesso direto às principais funções logo a partir do ecrã principal (áudio, navegação, telefone, etc). Controlos semelhantes aos de um ‘tablet’, incluindo a passagem dos dedos, são ergonómicos e simples de usar. O condutor tem acesso a vários comandos situados no volante. Sublinhe-se que o Multimedia Navi Pro pode ser operado através de comandos de voz.

 

Os novos Multimedia da Opel permitem personalizar o funcionamento através de vários perfis. O sistema pode memorizar cinco padrões de utilização, para outros tantos condutores, que incluem desde regulações de ar condicionado até à equalização da reprodução de som, passando por destinos de navegação, pontos de interesse e listas de música. Futuras evoluções na área de personalização vão contemplar procura e seleção de percursos de acordo com padrões individuais.

 

A linha Insignia - Grand Sport, Sports Tourer, Country Tourer e GSi - será a primeira a receber a nova geração de informação e entretenimento da Opel. Com ‘design’ estilizado, funcionalidade avançada e operação intuitiva, os novos Multimedia e Multimedia Navi Pro vão consolidar a reputação da Opel enquanto líder no domínio da conectividade e do entretenimento a bordo. Os novos sistemas chegarão a outros modelos da marca no decurso do corrente ano e de 2019.