A110S é a mais recente proposta para o segmento dos desportivos leves e compactos

Dono de uma personalidade intensa e de um estilo assertivo, o A110S junta-se aos A110 Pure e A110 Légende na oferta da gama Alpine. Assumindo um posicionamento de topo na oferta, o A110S é um coupé extremamente leve, equipado com um potente motor, uma afinação específica de chassis e elementos exclusivos de design.

 

 

O A110S foi desenvolvido com o objetivo de proporcionar um comportamento preciso e ágil, bem como uma elevada estabilidade a velocidades elevadas. O estilo sofisticado é bem evidente tanto no exterior como no habitáculo, sendo também de destacar o uso de materiais de alta qualidade, como fibra de carbono e revestimentos em Dinamica, que denunciam a natureza deste Alpine.

 

O ADN é o de um verdadeiro Alpine: o A110S é um desportivo de dois lugares, com motor central que debita 292 cavalos e um peso de 1114kgs. A irrepreensível dinâmica permite-lhe desafiar as estradas mais sinuosas com extrema eficácia, mas aliando o conforto numa utilização diária. Fácil de conduzir, o A110S é fiel aos princípios da Alpine de engenharia leve, dimensões compactas e elevado desempenho, graças à notável agilidade.

 

Com um preço estimado de €66,500* sem opcionais, o A110S já está disponível para encomenda, com a chegada dos primeiros exemplares, aos Centros Alpine, prevista para o mês de outubro. As primeiras entregas deverão ser realizadas ainda antes do final do ano.

 

Para o Diretor Geral da Alpine, Sébastien Erphelin, ‘O A110S proporciona uma experiência de condução intensa, típica de um Alpine.  Desde o início do projeto Alpine, que a nossa intenção era a de oferecer diferentes versões do A110, com características dinâmicas e de desempenho próprias.”

 

‘Como acontece com todas as outras versões do A110, o A110S é fácil de guiar e de utilizar no dia a dia, sendo apropriado a todos os condutores, independentemente das suas faculdades para conduzir um desportivo.’

______________________________

 (*) Preço base estimado para França com impostos incluídos

 

Design e interior

Os elementos estilísticos do A110S distinguem-no, claramente, dos outros A110. No exterior, pormenores de design como as bandeiras nos pilares traseiros em fibra de carbono e laranja, a assinatura Alpine em preto na traseira, as pinças de travão em laranja e as jantes especiais específicas “GT Race”, com acabamento a preto, também reforçam o caráter único da versão.

 

No habitáculo, o pesponto laranja substitui a assinatura em pesponto azul que está presente nas outras versões do A110. O sofisticado revestimento preto “Dinamica”, presente no teto, nas palas de sol e painéis das portas, realçam, na perfeição, a personalidade desta nova versão. As bacquets são Sabelt, também com pormenores de revestimento em “Dinamica” e pesam apenas 13,1kgs cada. O volante é revestido em couro e “Dinamica”, com um pesponto a assinalar o centro em laranja. Os pedais e apoios de pé são em alumínio e existem diversos pormenores em fibra de carbono, bem como uma bandeira laranja em coerência com o exterior.

 

Os futuros proprietários do A110S vão poder optar por ter o teto em fibra de carbono com acabamento gloss que, para além de realçar a natureza desportiva do automóvel, reduz o peso total do conjunto em 1,9kgs.  Da lista de opcionais fazem ainda parte as jantes em liga leve Fuchs e pormenores em fibra de carbono a revestir as baquets Sabelt. Do equipamento de série faz parte o sistema de alta fidelidade da Focal, a telemetria Alpine e os sensores dianteiros e traseiros de ajuda ao estacionamento.

 

Segundo o Diretor de Design da Alpine, Antony Villain, ‘”o ADN do A110s está bem presente nos novos elementos de design. As inserções das bandeiras no interior e exterior, os acabamentos em fibra de carbono e o contrastante laranja, traduzem a “personalidade” do automóvel. O compromisso com a construção leve resulta numa experiência de condução entusiasmante.”

 

“O revestimento Dinamica do habitáculo confere-lhe uma imagem tecnológica e um toque que combina na perfeição com o A110S. O pesponto laranja confere ao habitáculo um toque refinado e de alta qualidade.”

 

Chassis

Da afinação da suspensão, à calibração do controlo de estabilidade, do composto da borracha dos pneus e construção dos mesmos, o chassis do A110S foi aperfeiçoado para oferecer uma experiência de condução intensa.

 

Na sua essência, o A110S recorre à mesma estrutura de alumínio, muito leve e compacta, já conhecida dos outros A110. Mas a configuração exclusiva do chassis dá à nova versão um caráter dinâmico distinto. As novas molas helicoidais são mais duras em 50% e os amortecedores foram ajustados de acordo. As barras estabilizadoras – ocas para minimizar o peso – são 100% mais firmes.

 

A distância ao solo, foi reduzida em 4mm, de forma a otimizar o centro de gravidade, o que confere ao A110S uma excelente estabilidade a alta velocidade e uma resposta direta e precisa da direção. Os amortecedores foram afinados para um comportamento em curva referencial. Em suma, a afinação do chassis resulta num comportamento preciso e numa dinâmica irrepreensível.

 

Novas jantes e pneus (215mm no eixo dianteiro e 245mm no traseiro) com uma construção específica e um novo composto de borracha nos pneus Michelin Pilot Sport 4, conferem ao A110S uma fantástica aderência mecânica. Os novos pneus e as diversas alterações promovidas no chassis, conferem ao A110S um comportamento dinâmico único, quer em termos teóricos, quer em termos práticos, quando estamos ao volante de um.

 

Também o sistema eletrónico de estabilidade foi alvo de uma revisão, em particular no modo “Track”, para uma precisão e estabilidade de referência. De resto, este sistema pode ser completamente desligado.

 

Do equipamento de série fazem parte os potentes e resistentes à fadiga travões Brembo, com pinças de 320mm e discos bi-matéria, também disponíveis, como opção, nas outras versões do A110.

 

Para o chefe de engenharia da Alpine, Jean-Pascal Dauce, ‘as anteriores versões do A110 foram concebidas muito em linha com o original A110 dos anos 70 – bastante fáceis e divertidas de guiar. O A110S tem um caráter diferente. A afinação específica do chassis faz ainda mais jus ao seu caráter desportivo. A estabilidade a alta velocidade e o comportamento preciso são duas das suas principais características. Pese embora os tempos por volta nunca serem uma prioridade para nós, o A110S é definitivamente mais rápido que qualquer outro A110.”

 

“Contudo, o que é importante é que continue a ser um automóvel confortável e passível de ser usado no dia-a-dia. O A110S não seria um verdadeiro Alpine se fosse demasiado firme ou demasiado desconfortável para usar no dia-a-dia. Por outro lado, para ser divertido e recompensador, também não exige um enorme talento por parte do condutor – tal como as outras versões do A110, o A110S pode ser desfrutado por todo o tipo de condutores.”

 

Unidade motriz

A potência do motor sofreu um acréscimo de 40 cavalos relativamente às versões anteriores, o que torna o A110S o mais rápido e potente da gama. O motor 1.8 de quatro cilindros é o mesmo, mas a pressão do turbo foi aumentada em 0.4bar para disponibilizar ainda mais performance.

 

O pico de potência máxima de 292 cavalos é atingido às 6400rpm, 400rpm acima do que se verifica nas anteriores versões. O binário máximo é de 320Nm e está disponível desde as 2000rpm às 6400rpm, o que corresponde a mais 1400rpm do que no motor com 252cv.

 

Consequentemente, o motor do A110S é não só mais potente, mas também mais entusiasmante na entrega de potência. A potência é transmitida às rodas traseiras por via da caixa de sete velocidades de dupla embraiagem Getrag. O diferencial eletrónico assegura ao A110S uma saída acutilante e rápida das curvas , sem perdas de motricidade.

 

A potência do A110S confere-lhe uma relação peso potência de 3.8kg/cv, em oposição aos 4.3kg/cv das restantes versões. A aceleração dos zero aos 100 km/h é agora cumprida em 4,4s.

 

Para Jean-Pascal Dauce, ‘o objetivo era o de intensificar o caráter e a entrega de potência do motor. Entre as 5000rpm e as 7000rpm o motor é especialmente energético. Mesmo a velocidades elevadas continua a empurrar para a frente, o que encoraja a esgotar cada relação de caixa”.

 

Dados técnicos

Alpine A110S

 

Fuel type ………………………………   Petrol

Engine type ……………………………  1.8L 4cyl. 16v turbocharged

Maximum power ………………………  292PS @ 6400rpm

Maximum torque……………………….  320Nm from 2000rpm to 6400rpm

Architecture …………………………….  mid-engined, rear-wheel drive

Gearbox type……………………………  7-speed DCT, wet clutch

Unladen weight (DIN) …………………. 1114kg

Power to weight ratio…………………... 3.8kg/PS (262PS/tonne)

Dimensions……………………………… 4180/1798/1248mm (length/width/height)

Wheelbase……………………           …………  2419mm

Track width front………………………..  1556mm

Track width rear………………………...  1553mm

Chassis…………………………………..  double wishbones front and rear

Brakes front……………………………..   4 piston fixed caliper, 320mm discs

Brakes rear……………………………...   single piston floating caliper, 320mm discs

Drag coefficient…………………………   Cd: 0.32

Drag area………………………………..   Cd*A: 0.621 (A 1.94m²)

Fuel tank………………………………...   45 litres

Boot capacity front……………………...   96 litres

Boot capacity rear………………………   100 litres

Wheels and tyres……………………….   215/40R18 (front), 245/40R18 (rear)

Top speed………………………………..  250kph, 155mph

Acceleration……………………………...  0-100kph (62mph) 4.4 seconds