Fiat Professional fornece Frota Solidária da Fundação Montepio

Na passada sexta-feira, 28 de junho, a cidade de Leiria foi palco da 12.ª edição da Frota Solidária, um projeto criado em 2008 pela Fundação Montepio e ao qual a Fiat Professional se associou, oferecendo condições especiais para a compra de 13 Fiat Ducato e 7 Fiat Talento, viaturas que posteriormente foram transformadas e adaptadas, para que possam cumprir a sua missão: ajudar os mais desfavorecidos, locomovendo as Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) que os apoiam.

 

 

Onze anos depois de este projeto ter sido iniciado, a elevada procura de que continua a ser alvo atesta a sua importância para a sociedade. E a prova é que, nesta edição, foram recebidas as candidaturas de 263 IPSS. Destas, 20 foram contempladas com um Fiat Professional, devidamente transformado e adaptado para que possa desempenhar a função a que se destina. Treze cadeiras de rodas e duas cadeiras de crianças foram oferecidas pela Auto-Ribeiro, enquanto a primeira anuidade do seguro é uma oferta da companhia de seguros Lusitânia. A Fiat Professional, alinhada pelo espírito de responsabilidade social que move esta iniciativa e que mobiliza diferentes parceiros, deu também o seu contributo, garantindo condições mais vantajosas para a aquisição da Frota Solidária deste ano.

 

Na cerimónia de entrega dos veículos, o presidente da Fundação Montepio, António Tomás Correia, destacou: "Ninguém duvida que as instituições da economia social são hoje um elemento decisivo no apoio àqueles que mais precisam."

 

É através do projeto Frota Solidária que a Fundação Montepio devolve à sociedade os montantes que os contribuintes atribuem, todos os anos, à instituição através da consignação fiscal. Desde o seu início, já foram devolvidos 4,2 milhões de euros à sociedade civil e entregues 223 carrinhas adaptadas a IPSS.  Atualmente, a iniciativa é financiada em cerca de 30% com o dinheiro dos contribuintes, segundo António Tomás Correia, sendo a restante verba suportada pela Fundação Montepio, num esforço que é acompanhado pelo apoio de diferentes organizações, onde se inclui a Fiat Professional.

 

Há 11 anos que a Frota Solidária promove a mobilidade e a inclusão social de grupos vulneráveis, tendo apoiado 223 instituições ao longo desse período. Na 12.ª edição do projecto, estas foram as 20 IPSS que receberam as chaves das suas novas carrinhas:

  • AISGRA - Associação de Intervenção Social de Grândola
  • Associação Portuguesa de Deficientes - Delegação local de Amarante
  • Canto Firme de Tomar - Associação de Cultura
  • Cáritas - Ilha Terceira
  • Causa Social - Associação para a Promoção da Cidadania
  • Centro Social e Paroquial da Carapinheira do Campo
  • CERCIMAC, CRL - Cooperativa de Educação e Reabilitação de Cidadãos Inadaptados Macedo Cavaleiros
  • CERCIMONT, CRL - Cooperativa de Educação e Reabilitação de Cidadãos Inadaptados Montalegre
  • CERCIMOR, CRL - Cooperativa de Educação e Reabilitação de Cidadãos Inadaptados Montemor-o-Novo
  • CERCINA, CRL - Cooperativa de Ensino e Reabilitação de Crianças Inadaptadas Nazaré
  • Comissão de Melhoramentos do Concelho de Sousel
  • COOPfafe - Cooperativa de Solidariedade Social de Fafe, CRL
  • Espaço t - Associação para Apoio à Integração Social e Comunitária
  • Fundação do Asilo Nossa Senhora do Perpétuo Socorro
  • Fundação Obra Social das Religiosas Dominicanas Irlandesas - Centro Sagrada Família
  • Santa Casa da Misericórdia da Covilhã
  • Santa Casa da Misericórdia da Guarda
  • Santa Casa da Misericórdia de Castelo de Paiva
  • Santa Casa da Misericórdia de Évora
  • Santa Casa da Misericórdia de Valença