Feliz aniversário, Fiat 500

Este ano, os primeiros a desejar Feliz Aniversário ao ícone da marca Fiat foram os empregados de Mirafiori e 500 clientes que, com o seu herói, colocaram os seus Fiat 500 no terraço do telhado do Lingotto, em Turim, de forma a formarem as palavras "#HAPPY BIRTHDAY 500".

 

 

«Parabéns à viatura mais amada de Itália e também muito amada em toda a Europa», afirmou Luca Napolitano, responsável das marcas Fiat e Abarth para a região EMEA. «Com 6 milhões de unidades vendidas ao longo do tempo e mais de 2 milhões de unidades do modelo renovado em 2007, o Fiat 500 é o líder europeu no segmento das viaturas citadinas e o recordista de vendas da FCA nos últimos dois anos. Tudo isto demonstra claramente o afeto que as pessoas têm pelo nosso 500.»

 

A colorida série de 100 veículos levou o Fiat 500 de volta à pista no terraço do telhado onde foi testado, nos anos Cinquenta, antes de partir à conquista do mundo. Desde um raro 500 Cappellini de 2007 até ao 500 Blackjack de 2010; desde o 500C Twin Air de 2011 até ao exclusivo 500C GQ de 2014; desde o aguerrido Abarth 695 Tributo Ferrari de 2009 até ao 500C by Diesel de 2010, passando pela nova série comemorativa 500 120th deste ano. Estes são apenas alguns dos veículos que, em perfeito estilo 500, encheram de cor o telhado do Lingotto, iluminando a noite com milhares de reflexos multicoloridos.

 

O 4 de julho oferece sempre uma oportunidade especial para criar um ambiente extraordinário na comemoração do aniversário do 500. Este ano, o 500 repetiu o feito: depois de ser incluído no MoMA de Nova Iorque, tornando-se uma obra de arte, e de ter entrado no mundo do cinema com Adrien Brody em 2017, sem esquecer a inclusão no Recorde Mundial do Guinness na categoria "Maior imagem humana de automóvel" em 2015... este ano o aniversário do "Cinquino" pretende reforçar a profunda ligação entre a histórica fábrica da Fiat, o 500 e a cidade de Turim, que, há 120 anos, viu nascer a "Fabbrica Italiana Automobili Torino".

 

O Lingotto foi inaugurado em 1923, sendo ainda hoje admirado pela sua modernidade, pela elegância do desenvolvimento vertical e pela unicidade da pista de testes existente no telhado.